29/06/2017

,

A Everlast, marca referência nos esportes de luta, fitness e lifestyle, apoia aula de luta para mulheres, promovida pelo blog “Amigas Unidas, Balança Vencida”. Movido pelo objetivo de incentivar as pessoas a buscarem uma vida mais ativa e saudável, o evento acontece no dia 1º de julho, às 9h, em São Paulo. A aula foi organizada pela publicitária Erika Rosa, dona do blog. A página foi desenvolvida com o propósito de unir mulheres para cuidarem de seu corpo, sua imagem e sobretudo, a auto-estima, e teve início a mais de dois anos, quando Erika decidiu mudar seu próprio estilo de vida. A aula será realizada no Studio SoulBox para 40 mulheres.

SERVIÇO: Aula de luta para mulheres Data: 1 de julho – Sábado Horário: 9h Local: Studio SoulBox Endereço: Rua João Cachoeira 1124 – Vila Nova Conceição, São Paulo

Sobre Everlast Worldwide Inc. Marca predominante no boxe desde 1910, a Everlast é a maior fabricante, comerciante e licenciadora de boxe, MMA e equipamentos fitness do mundo. Desde campeões lendários como Jack Dempsey e Sugar Ray Robinson para campeões atuais como Benson Henderson, Canelo Alvarez e o medalhista olímpico brasileiro Esquiva Falcão, a Everlast é a marca escolhida para as gerações de atletas profissionais campeões do mundo. Construída sobre a herança da marca de força, dedicação, individualidade e autenticidade, a Everlast é uma parte necessária na vida de inúmeros campeões. Com sede em Manhattan, os produtos da Everlast são vendidos em mais de 75 países e 6 continentes.

Para saber mais sobre a Everlast, acesse: Site: www.everlastbrasil.com Facebook: www.facebook.com/EverlastBR Instagram: @everlastbrasil #EverlastBrasil

04/06/2017

,
Originária da Cordilheira dos Andes, a Maca Peruana tem atraído cada vez mais a atenção de pessoas que cultivam hábitos saudáveis. Trata-se de um tubérculo, cultivado já mais de 2000 anos na Cordilheira dos Andes, com inúmeros benefícios à saúde. Pode ser consumida em pó, mas, fora de seu país de origem, é encontrada somente em cápsulas.
 
As propriedades da maca peruana, que pode ser usada como suplementação, resultam de uma rica combinação de componentes biologicamente ativos, chamada de fito complexo. Ela ainda é rica em nutrientes como vitaminas, sais minerais, fibras e até mesmo proteínas.
 
Veja 5 propriedades do superalimento, listadas pelo nutricionista esportivo da Growth Supplements, Diogo Círico.
 
1.Fornece vitaminas, sais minerais, fibras e proteínas
A maca é um alimento completo que fornece, em média, 43% de carboidratos, 5% de fibras solúveis,14% fibras insolúveis, 2% de gorduras e 10% de proteínas. Contém aproximadamente 600kcal numa porção de 100gr de produto. 
 
2.Fornece energia, vitalidade e reduz o estresse
Possui grande quantidade de compostos bio ativos (macaenas, macamidas e fitoesteróis), diferentes tipos de glucosinolatos (GLs) e compostos fenólicos. Estes elementos proporcionam aumento na saúde das células e efeito adaptógeno (adaptação) frente ao estresse mental. 
 
3.Tem propriedades antioxidantes
Os nutrientes presentes na Maca Peruana podem exercer proteção para as células de nosso organismo através do combate à elementos tóxicos que podem ser tanto produzidos por nós mesmos quanto consumidos através da alimentação. Esta capacidade antioxidante está intimamente ligada à capacidade de regenerar os tecidos musculares de um indivíduo que treina pesado.
 
4.Combate a osteoporose
Entre os alimentos tuberosos, a maca peruana é um dos que contém maior concentração de cálcio e fosforo, minerais intimamente ligados à saúde óssea, que combate a desmineralização do tecido ósseo. 
 
5.Ajuda no emagrecimento 
A maca peruana contém fibras solúveis e também insolúveis, por este motivo ajuda no controle das taxas de açúcar no sangue. Esse efeito é muito desejado em dietas de redução de peso ou dietas de pessoas diabéticas, ou propensas a desenvolver a doença. 
 
E aí, já consome a Maca Peruana?
,
Você sabia que a precursora das nossas amadas sapatilhas foi Brigite Bardot? Sim, depois de anos praticando ballet a atriz queria poder usufruir do conforto das sapatilhas de dança no seu dia a dia. Maria Inês Borges da Silveira, consultora de Comportamento Profissional, Etiqueta Social e Internacional, esclarece que as primeiras sapatilhas surgiram em Paris, na França, quando Rose Repetto, fundadora da Companhia Sapatilhas de Ballet Repetto criou, em 1956, o modelo Cedrillon para atender um pedido da atriz francesa.

Mais tarde, o modelo ganharia o mundo, se transformando em um dos grandes símbolos da moda feminina. “O modelo Cendrillon iniciou sua trajetória de sucesso no mundo naquele mesmo ano. Era usado nos palcos e nas ruas, e acabou ganhando também espaço em filmes como ‘E Deus Criou A Mulher’, protagonizado pela fantástica Brigite Bardot”, comenta Maria Inês, que é professora doISAE/FGV, de Curitiba (PR).

Aos poucos, as sapatilhas foram virando sucesso. E, graças a sua leveza e praticidade outras marcas foram surgindo e se destacando. Hoje, os calçados são confeccionados de diversos matérias, estilo e cores. Para a especialista, sapatilhas podem ser combinadas com looks sofisticados e modernos. Além de looks confortáveis para passeios, ou até mesmo dependendo da confecção, usadas num estilo mais requintado e diferenciado.

Mas, se você acha que sapatilhas são apenas aquelas que estamos acostumadas a ver nos pés por aí, Maria Inês lembra que existem outros estilos do calçado. “A sapatilha tem origem na palavra sapato (sapato + ilha = substantivo feminino) que ao longo dos anos tem evoluído com características cada vez mais específicas”. Alguns exemplos desses tipos específicos de sapatilha são a chuteira, quando falamos de futebol, a sapatilha de ciclismo, as sabrinas - que são calçados muitas vezes utilizados para dança ou ginastica -, sapatilha de escalada, sapatilha de artes marciais e é claro, as famosas sapatilhas de ballet, as quais deram origem as sapatilhas que usamos hoje.

Sapatilhas vieram para ficar e se tornaram indispensáveis no guarda-roupa das mulheres. “As sapatilhas fazem o maior sucesso hoje e estão nos pés de grandes personalidades. Vemos com muita frequência nomes como Angelina Jolie, Kate Middleton e Kate Moss usando sapatilhas nas mais variadas ocasiões. A praticidade, o conforto e a elegância das sapatilhas conquistaram o público feminino e devem permanecer intocáveis por muitos e muitos anos”, completa a especialista.

03/06/2017

,
A acentuada proliferação do mosquito Aedes Aegypti e as doenças causadas pela sua picada, como zika, denguechikungunya tem colocado a população em alerta sobre como se proteger contra este ‘inimigo’ tão pequeno. E acreditem, em muitos estados brasileiros nesta época é calor mesmo sendo Outono e esse mosquito continua em ação.

Além de manter caixas d’água limpas e bem fechadas, e vasos de plantas sem acumulo de água para evitar o foco de proliferação do mosquito, cada pessoa pode contar com o recurso de aplicar repelentes sobre a pele, como medida de proteção. Apesar de o repelente ser fundamental no processo de prevenção contra o Aedes Aegypti é necessário ter cautela, pois eles não são indicados para bebês antes do seis meses de idade.

Segundo a dermatologista Dra. Bel Takemoto (CRM-SP 123.860 e RQE 35.064), membro da Sociedade Brasileira de Cirurgia Dermatológica (SBCD), é  importante seguir as orientações  do rótulo de cada produto e orientações do fabricante. Caso evolua com alguma alteração na pele é importante procurar um dermatologista que avaliará e dará a orientação adequada.

A especialista também ressalta que o repelente não deve ser aplicado embaixo das roupas. “Este tipo de produto dever ser aplicado somente nas áreas que ficarão expostas e o uso em excesso pode causar eventuais reações alérgicas, principalmente em pacientes atópicos. Em crianças, o uso deve ser supervisionado por um adulto para evitar aplicação em áreas irritadas, com ferimento ou perto de mucosas”, alerta a especialista. No Rafi eu sempre passo o repelente no corpo inteiro antes de colocar a roupa, ele nunca teve alergia do repelente, na verdade ele é alérgico de picadas, principalmente de borrachudos. 

Como escolher um repelente

Apesar dessa diversidade de produtos disponíveis no mercado, é necessário lembrar que eles também precisam ser aplicados mais de uma vez durante o dia. “Como é um produto destinado para a pele, e funcionam com o efeito de proteção devem ser reaplicados  para manter a ação e melhor resultado”, explica a dermatologista Dra. Bel Takemoto. 

Na hora de escolher um repelente alguns itens importantes devem ser observados, como o tempo de proteção oferecido, os ativos presentes em sua formulação e também recomendação por idade. Há uma variedade de repelentes que contêm os princípios ativos  como DEET (dietiltoluamida), Icaridin ou Picaridin e IR 3535 e que o tempo de ação do produto deve nortear em que momento reaplicar.  Na opinião da dermatologista, não podemos esquecer-nos das telas e do uso de roupas que cubram braços e pernas que são medidas simples e eficazes e que já existem roupas repelentes

Follow Us @belezaf5