Destino: Bariloche

quinta-feira, julho 06, 2017 Daniela O. R. 0 Comentários

Viajar é tudo de bom! Agora imagine chegar em seu destino e ser recebido com festa? Isso mesmo, Bariloche, mais conhecida como "Brasiloche" receberá os brasileiros durante este mês de Julho com muita animação no Aeroporto Internacional Teniente Luis Candelaria, devido aos novos voos diretos pela Azul e Latam. 
Com as novas ofertas diretas à Bariloche e a malha aérea conhecida, esperamos um movimento total superior a 20 voos diários desde Buenos Aires, Córdoba, Rosário e Bahia Blanca”, conta Diego Piquin, diretor-executivo do Ente Misto de Promoções Turísticas (EMPROTUR).

De acordo com o executivo, embora a data oficial de início da temporada invernal seja 9 de julho, as taxas de ocupação dos hotéis já surpreendeu no mês de junho. “Começa uma das melhores temporadas dos últimos aos na cidade: o volume de neve está acima do esperado para o período, temos melhorias na montanha e uma série novidades na área urbana. Temos grandes expectativas de que a estação de 2017 será ainda melhor que 2016”.

Diferentemente de outros destinos turísticos, a cidade argentina está sempre se renovando, o que faz com que as pessoas sempre voltem. Para esta temporada, o centro de Bariloche ganhou uma passarela com opções de comércio e serviços, como novas chocolaterias e cervejarias. As confeitarias e as casas de chá também invadiram a cidade nos últimos anos – programa perfeito para o final de tarde.
A diária para quem deseja esquiar é de R$ 260,00, no máximo, (1.300 pesos argentinos). Porém, lembra Diego Piquin, há opções de pacotes com acesso a três dias, uma semana, além de meio dia para as crianças, caso desejarem. O mesmo acontece com os equipamentos para esquiar ou para praticar o snowboard. Há opções para quem quer um dia completo ou passes para três ou mais dias. O custo médio desta diária é de R$ 100. Aulas em grupo saem R$ 200 por pessoa. Já as aulas diárias para as crianças custam, em média, R$ 300.
Outra dica e começar o roteiro pelo Circuito Chico, que percorre as margens do Lago Nahuel Huapi. O visual é um espetáculo por si só. O turista faz paradas nos mirantes para fotos e observação, inclusive é possível fazer uma selfie com um cachorro São Bernardo, raça robusta e popular na cidade. Um passeio de barco, por exemplo, que dura o dia todo custa em média por pessoa R$ 120.

Bariloche é um daqueles destinos do qual se vai embora com gosto de quero mais. É uma viagem que vale para casais, família, grupos ou viajantes sozinhos. Quem conhece essa charmosa cidade à Cordilheira dos Andes não se cansa de voltar. O que acontece por lá é algo mágico, talvez pelo cenário de conto de fadas, mas cada viagem à cidade sempre é uma experiência diferente.

Mais Informações: www.barilocheturismo.gob.ar

Assuntos Relacionados

0 Comentários :