Parestesia é o primeiro disco de Victor Fortes lançado pelo selo Lastro Musical, que vem misturando elementos do pop, ritmos tribais, sci-fi e sintetizadores que formam um som criativo para mostrar ao mundo suas angústias pessoais e críticas ao sistema político, social e econômico. Inicialmente Fortes teve inspirações de Prodigy, Boards of Canada, e posteriormente, MGMT, Tame Impala, Gum e Pond. 


Após passar por inúmeras bandas desde o início de sua carreira, em 2013, Victor construiu o álbum Parestesia de forma espontânea, sobretudo intensa, traduzindo todos os seus sentimentos ao longo de 10 faixas.


Ítalo Riber, amigo, diretor musical e integrante da banda Dormente, conseguiu lapidar junto com Victor o formato psicodélico, dançante e ímpar do projeto. Ele é criador do selo Lastro Musical e para ele a expectativa para o lançamento é chegar ao máximo de pessoas possível nesse primeiro momento. "[...] É uma banda de pop psicodélico e dentro desse universo queremos atingir o máximo de pessoas possível, que se identifiquem com esse som, assim a banda carrega esse estilo dentro das propostas do Selo", conclue. 


De acordo com Riber, que acompanha este cenário musical na América Latina, há grande espaço para o estilo em países como Peru, México, Chile e também no Brasil, mesmo afirmando que por aqui não há tantas bandas nessa pegada em atividade.


Já para Victor Fortes, que compôs o disco de forma rápida, a expectativa é poder alcançar mais gente através das mídias e plataformas digitais. "A ideia é tentar lançar um clipe para cada música do álbum, gravar sessions", adianta o líder da banda. As músicas "Não Tá Okay" e "Procrastinação" já têm clipes. Abaixo as faixas do disco:


1- Quem Você Tenta Ser

2- Quando Vai Chegar A Minha Vez 

3- Antes Que Eu Me Esqueça

4- E Se Eu Falhar

5- Não Vou Me Entrosar

6- Parestesia

7- É Só Você Chegar 

8- Procrastinação 

9- Condenável Mundo Burguês

10- Não Tá Okay 


Sinta todas as inquietações da Dormente através de seu pulsante álbum Parestesia nas principais plataformas digitais.


Ficha Técnica:

Fotografia por Jeff @caodenado

Direção de Arte por Ella Vieira




Sobre o Selo Lastro Musical - Ítalo Riber é criador do selo que surgiu da necessidade de existir algo ou alguém que pudesse colaborar com as bandas da região de Sorocaba, fazendo com que potencializasse tais trabalhos. Começou as atividades em 2019 quase sem recursos e já projeta o próximo lançamento, do artista Marcus Alves na segunda quinzena de novembro.